Luz da Paz de Belém

16-12-2016

A Região de Lisboa esteve presente na cerimónia de partilha da Luz da Paz que se realizou na Sé de Lisboa.

A Luz da Paz de Belém, que surgiu como um programa de beneficência dedicado a apoiar as crianças necessitadas da Áustria, é hoje muito mais do que isso: é um movimento de partilha de paz e de esperança.

Todos os anos, uma criança austríaca recolhe na gruta da Natividade em Belém, onde Jesus nasceu, uma frágil chama e transporta-a para o seu país, onde é partilhada numa grande cerimónia ecuménica, de intenso simbolismo.

Delegações escutistas de toda a Europa participam na celebração de Viena para levar a Luz da Paz aos seus respectivos países. 

Nas suas terras, os Escuteiros partilham a Luz e levam-na às suas igrejas, casas particulares, hospitais, residências de idosos, prisões, lugares públicos e de importância cultural e política ou a qualquer lugar onde seja apreciado o seu significado: uma mensagem de Paz e de esperança.

Vários Núcleos responderam à chamada e marcaram presença nesta iniciativa do Corpo Nacional de Escutas, levando depois a chama e simbolismo da Luz da Paz a outras comunidades.

A Direcção Regional da FNA esteve representada na cerimónia, ao lado do Chefe Regional do CNE e da Dirigente Regional da Associação Guias de Portugal.